Culpar os demais é um vício

Culpar os outros é um vício.

E é uma delícia quando os outros nos dão motivos de sobra para podermos culpá-los, não? É o filho que está impossível, o marido que não colabora, o político que é um irresponsável, o vizinho que bate panela pela causa errada, o amigo que não respeita a quarentena…

É tão gostoso não precisar olhar pra dentro e tomar responsabilidade pelos nossos sentimentos. Quantas vezes eu desabafei com amigas querendo mandar a autorresponsabilidade para aquele lugar?

Como você tem lidado com sua ansiedade?

Como você tem lidado com sua raiva, seu medo e sua dor diante de tudo o que está acontecendo? Tem assumido a responsabilidade por estes sentimentos e cuidado deles ou tem descontado nos demais?

Estamos num momento de crise global que está nos afetando profundamente. Não sabemos o que vai acontecer. Ninguém sabe. Talvez você já tenha perdido alguém próximo e isso te deixou arrasado. Você está assustado e tem motivos para se sentir assim, eu tô ligada. É um momento traumático para todos nós, porque é inesperado e doloroso.

Mas tem um detalhe: você está ansioso porque não pode controlar o dia de amanhã. Só que esta incerteza do sobre o futuro sempre foi uma realidade, ela só está mais evidente hoje. Você nunca pôde e nem poderá controlar o amanhã.

Está difícil para você (e para mim) lidar com o momento atual porque não sabemos estar presentes. Tememos o futuro e mantemos nossa mente no amanhã, com o desejo de poder controlar o que vai acontecer lá na frente.

Culpar os demais é uma das formas que encontramos de descarregar nossa raiva, nossa dor e nosso desconforto emocional.

Assumir a responsabilidade pelo que sentimos é um jeito de nos vulnerabilizarmos. Assusta, né? Não estamos acostumados a adentrar o terreno da vulnerabilidade.

Se você tem mania de culpar a vida e os demais pelos seus sentimentos, preste atenção neste padrão. É um alívio poder culpar os outros pela nossa ansiedade, nossa raiva ou nossa dor. Mas talvez seja o momento de aproveitarmos o convite que nos está sendo feito: precisamos aprender a conectar com o momento presente, que é o único lugar onde temos poder de ação.

Como você tem se posicionado diante da vida? Faz sentido pra você esta reflexão?

Texto: Maíra Soares

Assista o vídeo da Brené Brown para refletir sobre como temos a tendência a culpar os demais por nossos sentimentos, que é a postura oposta da autorresponsabilidade

🌸🌸🌸

👉 Ficou interessado em conhecer mais sobre como lidar com suas emoções? Este é o link para você se inscrever na minha newsletter e receber conteúdos exclusivos sobre o assunto.

👉 Participe do meu Canal Gratuito no Telegram para receber um resumo das minhas publicações e também áudios exclusivos com reflexões que faço sobre posts, comentários e mensagens que recebo e cursos que estou fazendo. Clique aqui para entrar no meu Canal Gratuito do Telegram.

🌸🌸🌸

Espero que este artigo tenha te ajudado a refletir.

Se você curtiu, deixe um comentário ou compartilhe este texto nas redes sociais. Dessa forma você me ajuda a difundir meu trabalho. 🤗

🌸🌸🌸

Seu filho está passando por uma fase difícil e você não sabe como oferecer apoio? Ele está apresentando algum comportamento desafiador e você não entende porque ou não sabe como lidar? Está se sentido mal por estar sem paciência e não conseguir manter a calma?

Eu ofereço atendimento individual como Consultora em Criação Consciente e posso te ajudar a construir uma relação mais empática e acolhedora com seu filho, sem que isto se torne um peso para você. Quer saber mais sobre meu atendimento? Clique aqui para entrar em contato com a Bela, minha assistente.

Cadastre-se para receber conteúdo gratuito e atualizado do Canto Maternar.

A inscrição é gratuita!